Portal Oficial - Instituto Nacional de Estatística
      
 

Volume de Negócios nos Serviços cresceu 30,5% em relação a maio de 2020, mas situou-se 11,1% abaixo do resultado de maio de 2019
Índices de Volume de Negócios, Emprego, Remunerações e Horas Trabalhadas nos Serviços
Volume de Negócios nos Serviços cresceu 30,5% em relação a maio de 2020, mas situou-se 11,1% abaixo do resultado de maio de 2019 - Maio de 2021
13 de julho de 2021

Resumo

O índice de volume de negócios nos serviços apresentou uma variação homóloga nominal de 30,5% em maio, inferior em 12,7 pontos percentuais (p.p.) face à taxa observada no mês precedente. Note-se que estes aumentos acentuados refletem um efeito base, dado que a comparação incide em meses de 2020 muito afetados pela pandemia. Em relação a maio de 2019, o índice diminuiu 11,1%.

A variação em cadeia do índice global foi 0,8%, desacelerando face a abril (variação de 5,4%). O índice da secção Alojamento, restauração e similares acelerou de forma expressiva, passando de uma taxa de variação em cadeia de 27,9% em abril para 38,5% em maio.

Os índices de emprego, de remunerações e de horas trabalhadas ajustado de efeitos de calendário, apresentaram variações homólogas de -0,9%, 10,0% e 24,0%, respetivamente (-3,4%, 4,9% e 19,8% em abril, pela mesma ordem).


Destaque
Download do documento PDF (511 Kb)
Quadros
Excel Excel (365 Kb)
ZIP CSV (119 Kb)